Digital clock

quinta-feira, 7 de março de 2013

Sites educativos para várias disciplinas

Sites educativos para várias disciplinas, encontre um que seja interessante para a sua disciplina:

Matemática
  • Matemática na Veia - Blog com textos biográficos, novas abordagens de assuntos matemáticos e exercícios.
  • Matemática Hoje é Feita Assim - Site com artigos e entrevistas com professores. Inclui metodologias de ensino, jogos e exercícios.
  • Matemática na Net - Jogos, exercícios para todas as idades, proposições curiosas, artigos e extensa lista de links para outros sites sobre Matemática.
  • Só Matemática - Exercícios, desafios matemáticos, jogos, dicionário matemático e foruns. Para acessar o conteúdo é preciso se registrar gratuitamente.
  • UOL Educaçao Matemática - Arquivo com conceitos básicos da matemática, testes, desafios e material para revisão da matéria.
Português
  • Academia - Site da Academia Brasileira de Letras, traz vocabulário ortográfico, com busca inclusive para palavras estrangeiras, responde a perguntas e mais.
  • Só Português - Com cadastro gratuito, oferece exercícios, material didático e grupo de discussão.
  • Conversa de Português - Blog com artigos, exemplos de charges e poesias, bom material didático em um layout simples e bem organizado.
  • Brasil Escola - Artigos simples e bem escritos para usar como apoio em sala de aula.
  • Sua Língua - O professor Cláudio Moreno coloca em seu site muitos exemplos e artigos bem escritos e bem humorados, bom material didático.
  • Professor Juscelino - Blog atualizado com exercícios, curiosidades e artigos sobre gramática, literatura e redação, além de análises de canções da MPB.
Ciências
  • Literatura e Ciências - Site que relaciona o ensino da ciência com literatura infantil.
  • Feira de Ciências - Exercícios e artigos variados sobre o ensino de ciências, além de grupo de discussão.
  • Átomo e Meio - Blog com textos e charges da atualidade, com discussão de temas e material que pode ser usado em sala de aula feito por um professor de Ciências.
  • CiênciaTube - Blog que reúne vídeos online sobre Ciências, com explicações e experiências.
  • Brincando com Ciência - Site do Observatório Nacional para crianças, com curiosidades, jogos e experiências para usar em sala de aula. 
Geografia
  • Portal do Meio Ambiente - Atualidades, artigos variados sobre Geografia e seção infantil com jogos, como o "ABC das mudanças climáticas", mapas e recursos multimídia.
  • Brasil Channel - Mapas detalhados de cada região do país, incluindo listagem de municípios e hinos.
  • Infoescola - Textos para material de apoio nas aulas abordando clima, questões ambientais, conflitos geográficos, entre outros temas.
  • Só Geografia - Exercícios, jogos, hinos, mapas, curiosidades e fórum de discussão. Inclui material audiovisual, ilustrações e fotos.
  • UOL Educação Geografia - Arquivo com mapas, artigos sobre relevo e clima, listagem de bandeiras, textos sobre meio ambiente, entre outros temas da Geografia do Ensino Fundamental.
História
  • Historianet - Artigos divididos em períodos históricos, indicação de filmes, livros, muitos mapas e ilustrações, seção de atualidades, biografia de grandes personalidades da História.
  • História Julia - Mapas, fluxogramas e exercícios para complementar as aulas de História.
  • Só História - Reúne exercícios, jogos, atualidades, mapas históricos, artigos e curiosidades.
  • Só pra historiar - Site de uma professora de ensino fundamental com charges, links e textos didáticos.
  • Nave da História - Blog com slides, vídeo e jogos para propor em sala de aula.
  • História Digital - Site de professor com artigos, vídeos sobre temas de história, dicas de jogos, músicas, curiosidades, filmes e quadrinhos para usar em salas de aula. 
  •   Fonte:  http://ivivendoeaprendendo.blogspot.com.br

COLGATE

Pesquisando na internet achei o site da Colgate, possui muitos jogos interessantes, além de muitas informações na área da saúde e higiene.

Visitem:

http://www.colgate.com.br/app/PDP/MundodaCrianca/BR/HomePage.cvsp?cid=BR_Gs_OC_brandOthers_MundoDaCrianca_kids_home_03



segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Bem vindos!

Queridos alunos das escolas " Climério César Galvão" e "Conde Moreira Lima", sejam todos bem vindos às aulas de Informática de 2013.
Um beijo a todos vocês!!!

Mediadora: Poliane Capucho



sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

O que é Informática Educacional?

(Por Miriam Salles)






Qual a diferença entre "Informática aplicada à educação", para "Informática Educacional", "Informática Educativa" e "Tecnologias Educacionais"?




Pergunta pertinente para se caracterizar o trabalho do professor em um laboratório de informática. Diferenciar "Informática aplicada a Educação" e "Tecnologias Educacionais" me parece mais simples:



* Informática aplicada a Educação: a informática é utilizada para o gerenciamento da escola: relatórios de notas, de acompanhamento de alunos, de secretaria, do acervo de uma biblioteca escolar, etc.



* Tecnologia Educacional: não se restringe ao uso do computador. Usa também a TV, cinema, DVDs, rádio, fotografia, livros, robótica.



Já a diferenciar Informática Educativa e Educacional depende da concepção que se tem da utilização do computador na escola. Entendo, baseada na minha vivência como professora em um laboratório de informática e no que tenho observado, que:



* Informática Educativa: a informática é mais uma disciplina integrada ao currículo. Ensina-se, por exemplo, linguagens de programação e a utilizar os softwares do Office. Na maior parte dos casos não há preocupação de integração dessas aulas com outras áreas de conhecimento. Ou nos casos em que se busca a interdisciplinaridade, raramente há o envolvimento de um professor especialista daquela(s) disciplina(s) no planejamento da atividade. Dentro dessa concepção, o computador também é utilizado para que o aluno tire suas dúvidas sobre determinado conteúdo: o laboratório tem um acervo de softwares de educativos, de tutoriais, de livros multimídia, exercícios de reforço, ou seja, o computador é utilizado como máquina de ensinar. Os responsáveis pelos laboratórios são geralmente os especialistas em informática.
* Informática Educacional: a informática é utilizada como um recurso, uma ferramenta para a construção de conhecimento. A principal forma de trabalhar é através de projetos, webquests, webgincanas, projetos colaborativos entre escolas geograficamente separadas, enfim, atividades planejadas sobre determinados temas, ou conteúdos didáticos de uma disciplina. Os alunos elaboram seus trabalhos utilizando softwares como os do Office, recursos da WEB 2,0 como blogs e wikis, ou até mesmo linguagens de programação. Para coleta de dados ou busca de informações utilizam os recursos disponíveis que podem ser bancos de dados, a web, participação em listas de discussão, fóruns.



Enfim, na Informática Educacional, as atividades propostas e os recursos oferecidos ao aluno são pensados de forma a promover uma aula que não poderia ocorrer da mesma forma, ou até melhor, sem utilizar o computador.


quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Dia do mágico - 31 de janeiro

DIA DO MÁGICO

Hoje comemoramos o Dia do Mágico! Coelhos saindo da cartola, objetos desaparecendo, e outras coisas ainda mais interessantes, são feitas por ele. Quem nunca ficou curioso com aquele truque super legal que você já assistiu?

Na mágica existe a arte do ilusionismo, onde nossos sentidos são enganados, sendo na maioria das vezes nossa visão. Por isso é comum dizer que as mãos do mágico devem ser mais rápidas que os olhos dos espectadores.

Quem iniciou dominando o mundo da mágica foi Doug Henning. Ele começou a pesquisar sobre mágica e quando adulto montou seu primeiro espetáculo, que combinava mágica, música e história. Seus truques principais consistiam em atravessar paredes de tijolos e fazer um elefante desaparecer, mas sempre estudava estratégias diversificadas para seus truques.

 
 
Fonte: SmartKids

terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Dia Nacional das histórias em quadrinhos

30 de janeiro
 
 
Dia Nacional das Histórias em Quadrinhos
 
 


As primeiras histórias em quadrinhos datam da Pré-História, visto que os homens das cavernas já pintavam nas paredes o que lhes acontecia. No início do século XX, contudo, foi definido o conceito de histórias em quadrinhos, e sua técnica começou a ser desenvolvida.

Há vários precursores das histórias em quadrinhos, destacando-se o brasileiro Angelo Agostini, embora haja quem diga que a primeira criação surgiu com Richard Fenton Outcault, em The Yellow Kid, de 1863. Foi Outcault quem introduziu o "balão", no qual são escritas as falas dos personagens.

Nas primeiras fases das histórias em quadrinhos, os argumentos eram apresentadas aventuras de crianças e bichinhos, com muito humor. Em 1929, as histórias em quadrinhos ganharam muita popularidade; na década de 1930, o gênero "aventura" foi incorporado às histórias. A Era de Ouro, como ficou conhecida essa fase, teve seu auge com personagens como: Flash Gordon, de Alex Raymond; Dick Tracy, de Chester Gould; Tarzan, uma adaptação de Harold Foster para o personagem de E. R. Burroughs (do livro Tarzan, o filho das selvas).

Nessa nova fase, surgiu mais um gênero, tipicamente americano: o super-herói, como o Super-Homem, de Siegel e Shuster.

As histórias em quadrinhos significaram mais do que um simples divertimento. O governo americano as utilizava como armas ideológicas para elevar o moral dos soldados e do povo em época de guerra. Alguns personagens em quadrinhos se alistaram na Segunda Guerra Mundial, incentivando jovens americanos a tomar a mesma postura. O herói que mais teve presença nesse período foi o Capitão América, de Jack Kirby e Joe Simon.

Na década de 1940, foi criado o formato das revistas em quadrinhos que se conhece até hoje, e foi assim que estas chegaram ao Brasil, nesse ano.

Na década de 1950, as histórias em quadrinhos sofreram uma crise de identidade e foram duramente criticadas em razão de seu teor de indução em massa. Foi criado, então, um Código de Ética, mas nesses tempos de liberdade de criação e expressão reduzidas, os roteiros das histórias foram camuflados com textos aparentemente inofensivos que induziam nas entrelinhas.

Na década de 1960, voltou com força total o gênero dos super-heróis, como o Homem-Aranha, criado por Stan Lee e Esteve Ditko.
Nessa mesma década e a partir da década de 1970, os quadrinhos underground - com temas que abordavam o subconsciente norte-americano, as crises existenciais, os auto questionamento -, criados por Robert Crumb, fizeram e ainda fazem sucesso.

No Brasil, vários cartunistas ganharam destaque pela criatividade: Henfil (personagens: Graúna e Zeferino), Ziraldo (personagens: Pererê e Menino Maluquinho), Péricles (personagem: O Amigo da Onça), Maurício de Sousa (personagens: Cebolinha, Mônica , Cascão ), Fernando Gonsales (personagem: Níquel Náusea), Angeli (personagem: Rebordosa), Millôr Fernandes, entre outros.

Referência:
Datas comemorativas: cívicas e históricas



 

Dica de Site

Pesquisando esta semana, vi muita coisa interessantes em muitos blogs e achei esta dica de site no blog da Professora Ana Paula, como sempre ela arrasando com suas postagens!!! :)

Site educativo bastante interessante.

Cérebro Melhor: Hoje vim aqui para deixar uma dica de um site bem interessante que encontrei, até parece aqueles testes psicotécnicos que realizamos antes de entrar em uma determinada empresa, mas é bem mais divertido! Entra lá...

http://www.cerebromelhor.com.br/




domingo, 9 de dezembro de 2012

Dia da Criança especial



Dia 09 de dezembro é o dia da criança especial!

No dia 9 de dezembro comemora-se o dia da criança especial, ou seja é uma data muito importante, pois muitas crianças são discriminadas devido terem uma aparência diferente, isto devido algum problema ou deficiência e elas não tem nenhuma culpa e merecem terem os seus espaços. 
Esta data deve ser lembrada todos os dias e a luta pelos direitos legais das crianças especiais, devem continuar, nunca demonstre preconceito em ver a deficiência de alguém, se puder ajude com uma demonstração de amor e até mesmo por tratá-las iguais aos outros, pois todos temos capacidades, alguns de uma forma diferente, mas todas as crianças merecem amor e dedicação!


quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Como tudo funciona?

Uma propaganda de canal de televisão afirma “não são as respostas que movem o mundo e sim as perguntas”. Quando crianças as perguntas são mais frequentes, o que as tornam cientistas-mirim.
O site “Como tudo funciona?” responde algumas delas.




Mata Atlântica: o bioma onde eu moro


O jogo eletrônico Mata Atlântica: o bioma onde eu moro vem contribuir para o conhecimento e a sensibilização sobre a fauna e os ecossistemas encontrados em Santa Catarina. Considerando o quadro crítico do Bioma Mata Atlântica em nosso país, as ações educativas relacionadas a este tema são prioritárias, já que este é o bioma brasileiro em maior risco.

O jogo é baseado no conceito de edutenimento (educar e divertir) e na tecnologia multimouse, permitindo que dois mouses sejam conectados ao computador para que uma dupla de jogadores possa interagir de forma autônoma e simultânea.


Público-alvo
Estudantes do Ensino Fundamental I
Objetivo pedagógico
O jogo propicia aos estudantes conhecer:
  • trinta e seis espécies de fauna associados aos ecossistemas do Bioma Mata Atlântica presentes em Santa Catarina;
  • características marcantes das paisagens desses ecossistemas;
  • a localização dos ecossistemas no mapa do estado de Santa Catarina.



Acessem: http://www.mata-atlantica.educacaocerebral.org/

Poisson Rouge


Gente olha este site o  Poisson Rouge, que legal, traz diversos jogos educacionais destinado para os alunos do ensino infantil e fundamental. Os jogos são intuitivos e não necessitam de domínio da língua inglesa. Além disso o site oferece a opção para tablet: Android e IPad.

 Acessem e divirtam-se
 http://www.poissonrouge.com